for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

Recuperação será lenta e exigirá mais suporte fiscal e monetário, diz Mester, do Fed

Presidente do Federal Reserve de Cleveland, Loretta Mester. REUTERS/Shannon Stapleton

(Reuters) - A atividade econômica e as contratações diminuíram nos Estados Unidos enquanto os casos de coronavírus aumentavam, confirmando que a recuperação será lenta e que a economia exigirá mais apoio da política monetária e fiscal, afirmou a presidente do Federal Reserve de Cleveland, Loretta Mester, nesta sexta-feira.

“Eu acredito que a recuperação será lenta”, afirmou Mester durante uma entrevista à CNBC.

Os dados econômicos devem refletir o crescimento no terceiro trimestre com a reabertura de empresas, mas isso não significa que a economia está firme, disse ela. “Eu realmente acho que há mais problemas e que teremos que apoiar a economia.”

Reportagem de Jonnelle Marte

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up