for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

Fundo Apollo Energia tem aval para compra de transmissora de energia

Linha de transmissão de energia REUTERS/Mike Blake

SÃO PAULO (Reuters) - O fundo de investimento Perfin Apollo Energia recebeu aval do órgão brasileiro de defesa da concorrência para a aquisição de um ativo de transmissão de energia elétrica junto ao grupo Rialma Participações.

A operação do fundo, focado em infraestrutura, foi aprovada sem restrições, segundo publicação do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) no Diário Oficial da União desta quarta-feira.

A transação vem meses após a gestora Perfin ter iniciado a negociação de cotas do fundo Apollo na B3, em operação que movimentou cerca de 1 bilhão de reais no final de janeiro. Na ocasião, uma executiva do grupo disse à Reuters que o FIP avaliaria a compra de ativos para expandir a atuação em energia.

O negócio com a Rialma, cujo valor não foi revelado, envolve a compra de 100% de uma unidade da empresa responsável pela implantação e futura operação de instalações de transmissão na Paraíba e Pernambuco com extensão aproximada de 136 quilômetros, segundo parecer do Cade.

A Rialma havia obtido concessão para construir e operar os empreendimentos em licitação realizada pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) em abril de 2017 (leilão 05/2016).

O FIP Apollo Energia disse ao Cade que a transação mira o “desenvolvimento de negócios de transmissão de energia elétrica com maior eficiência e valor agregado”, enquanto a Rialma afirmou que visou “reciclagem de capital para futura rodada de investimentos, além de sua alavancagem financeira e endividamento”.

O portfólio de investimentos do FIP Apollo Energia conta com seis ativos de transmissão que somam 2.123 quilômetros em extensão e receitas anuais permitidas (RAPs) totais de 774 milhões de reais no ciclo 2019/20.

Já a Rialma atua em diversos setores, incluindo agropecuária e mineração. Em energia, possui ativos de geração e transmissão de energia elétrica principalmente em Goiás. A empresa foi criada pelo empresário Emival Ramos Caiado Filho, primo do atual governador de Goiás, Ronaldo Caiado (DEM).

Por Luciano Costa

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up