for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

Produção global de etanol não retomará nível pré-Covid até 2022, diz conselho dos EUA

Bomba de gasolina com mistura de 15% de etanol em Mason City, Iowa (EUA) 18/05/2015 REUTERS/Jim Young

(Reuters) - A produção global de etanol deve ser 20% menor este ano, à medida que o mercado atravessa a crise gerada pela Covid-19, enquanto a retomada da produção aos níveis pré-pandemia não deve se concretizar até 2022, disse um diretor do Conselho de Grãos dos EUA nesta terça-feira.

Cerca de 23 bilhões de litros em produção de etanol foram perdidos em 2020, com o fechamento de mais de 250 usinas de etanol em todo o mundo, disse Brian D. Healy, diretor de desenvolvimento de mercado global de etanol do Conselho de Grãos dos EUA na conferência virtual Platts APPEC 2020.

A produção de etanol nos EUA, no entanto, já está quase recuperada do pior da pandemia e está atualmente 10% menor em comparação com os níveis de 16 de agosto de 2019, acrescentou Healy.

Depois de 2020, a implementação de políticas continuará sendo um fator chave para a demanda por etanol, disse Healy, ao apontar que alguns mercados que anunciaram expansões significativas em suas políticas de uso de etanol nos últimos dois anos começaram com atraso a implementação dos programas.

Por Koustav Samanta

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up