for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

Presidente do BC do Japão diz que globalização vai se sustentar apesar de Covid-19

Presidente do banco central do Japão, Haruhiko Kuroda. REUTERS/Kim Kyung-Hoon

TÓQUIO (Reuters) - A globalização vai se sustentar e as cadeias de fornecimento vão se diversificar conforme as empresas se ajustam aos problemas causados pelo novo coronavírus, disse nesta sexta-feira o presidente do banco central do Japão, Haruhiko Kuroda.

“A globalização e as cadeias de oferta vão continuar, embora as cadeias de oferta sejam mais diversificadas e mais resilientes”, disse Kuroda em seminário organizado pelo Banco de Desenvolvimento Asiático.

A cooperação financeira regional será importante nos próximos anos já que pode oferecer uma rede de segurança no caso de outro choque, disse ele.

“Teremos que continuar com ações decisivas e oportunas, ao mesmo tempo em que monitoramos de perto o impacto da Covid-19, disse Kuroda.

“Ao mesmo tempo, temos que ...transformar essa crise em oportunidade para acelerar a digitalização e facilitar a inovação”, disse Kuroda.

Kuroda afirmou que a economia do Japão deverá continuar a melhorar, mas a um ritmo moderado dado o impacto mundial do coronavírus.

“O Banco do Japão continuará a sustentar a economia em cooperação com o novo governo” liderado por Yoshihide Suga, disse ele.

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up