for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

Bancos se destacam e ajudam ações europeias a devolverem perdas

(Reuters) - As ações europeias ampliaram seus ganhos por uma quarta sessão consecutiva nesta terça-feira, com os bancos subindo mais de 3% em meio a esperanças crescentes sobre um pacote de estímulo nos Estados Unidos e um acordo comercial do Brexit, bem como dados alemães favoráveis.

Bolsa de Frankfurt, Alemanha 06/10/2020 REUTERS

O índice FTSEurofirst 300 caiu 0,02%, a 1.416 pontos, enquanto o índice pan-europeu STOXX 600 ganhou 0,07%, a 366 pontos, depois de chegar a cair até 0,5% anteriormente.

O índice bancário atingiu seu nível mais alto em quase três semanas, com os rendimentos dos Treasuries --uma referência para custos de empréstimos globais-- atingindo máximas em vários meses, apoiando os credores dos dois lados do Atlântico.

Além dos bancos, setores considerados mais expostos ao ciclo econômico, como os de viagens e lazer, petróleo e gás, montadoras e seguradoras, subiram entre 1% e 2,9%.

Os setores de tecnologia e saúde, entre os melhores desempenhos na Europa este ano, perderam cerca de 0,9%, pesando sobre o STOXX 600.

Em LONDRES, o índice Financial Times avançou 0,12%, a 5.949 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX subiu 0,61%, a 12.906 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 ganhou 0,48%, a 4.895 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve valorização de 0,85%, a 19.429 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou alta de 1,44%, a 6.936 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 valorizou-se 1,14%, a 4.182 pontos.

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up