for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

Ibovespa futuro oscila pouco com exterior no radar; CSN é destaque na safra de balanços

Pfizer visa aprovação para uso emergencial de vacina contra Covid-19 nos EUA em novembro. Nova York, EUA, 29/07/2019. REUTERS/Brendan McDermid

SÃO PAULO (Reuters) - O Ibovespa futuro mostrava variações tímidas na manhã desta sexta-feira, em meio a um cenário misto no exterior, com alta em praças acionárias, mas fraqueza do petróleo, enquanto a temporada de balanços no país destaca o lucro bilionário da CSN.

Por volta de 09:45, o contrato do Ibovespa que vence em 16 de dezembro oscilava ao redor da estabilidade, a 99.090 pontos.

No exterior, o clima é apoiado por esperanças relacionadas a uma vacina contra o Covid-19, após a Pfizer afirmar que pode solicitar aprovação para o uso emergencial de sua candidata a vacina nos Estados Unidos em novembro.

Nos EUA, as vendas no varejo cresceram em 1,9% em setembro, superando as previsões de analistas de alta de 0,7%, conforme pesquisa Reuters.

A pauta brasileira, por sua vez, mostrou desaceleração na queda das vendas no varejo apuradas pelo ICVA pelo quinto mês consecutivo, com a queda real em 7,9% em setembro.

O último pregão da semana também marca a abertura da temporada de balanços de empresas do Ibovespa, com um resultado forte de CSN, que apurou Ebitda ajustado de 3,5 bilhões de reais no terceiro trimestre.

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up