for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

Tesouro terá melhor avaliação sobre LFT no final do mês, quer papel menos volátil, diz Waldery

15 de outubro de 2010. REUTERS/Bruno Domingos

BRASÍLIA (Reuters) - O secretário especial de Fazenda, Waldery Rodrigues, disse nesta quinta-feira que o Tesouro terá melhor avaliação sobre o impacto sobre a LFT da ação conjunta anunciada com Banco Central no fim do mês, quando haverá vencimento das compromissadas e maior liquidez de mercado.

Segundo Waldery, o objetivo das ações anunciadas é que a LFT --título público pós-fixado atrelado à variação da Selic-- reflita melhor o risco e tenha menor volatilidade.

Ele reforçou ainda que a melhor forma de melhorar a gestão da dívida é via reformas estruturais e comprometimento com a consolidação fiscal.

Por Marcela Ayres; Edição de José de Castro

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up