for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

Wall St recua com perdas em ações de tecnologia e aumento em casos de Covid

Bolsa de Nova York, EUA 28/10/2020 REUTERS/Carlo Allegri

(Reuters) - Os índices acionários dos Estados Unidos recuavam nesta sexta-feira, pressionados pelas perdas em ações de gigantes da tecnologia após seus resultados trimestrais, com um aumento recorde nos casos de coronavírus e o nervosismo sobre a eleição presidencial também pesando.

A Apple Inc recuava 6% depois de registrar a maior queda nas vendas trimestrais do iPhone em dois anos devido ao lançamento tardio dos novos telefones 5G.

A Amazon.com Inc perdia 4% depois de prever um salto nos custos relacionados à Covid-19, enquanto o Facebook Inc caía 3,5% após alertar para um 2021 mais difícil.

Os setores de tecnologia e consumo discricionário registravam os maiores declínios percentuais.

Serviços de comunicação recebiam impulso do salto de 5,7% nas ações da Alphabet Inc depois que a dona do Google superou as estimativas de vendas trimestrais já que as empresas retomaram os anúncios.

“Estamos a dois dias do dia da eleição e as pessoas querem garantir que não sejam pegos totalmente de surpresa”, disse Pete Santoro, gerente de portfólio do Columbia Threadneedle.

O presidente Donald Trump tem ficado atrás do democrata Joe Biden nas pesquisas, mas os Estados mais competitivos têm mostrado uma disputa mais acirrada.

Às 11:37 (horário de Brasília), o índice Dow Jones caía 1,45%, a 26.271 pontos, enquanto o S&P 500 perdia 1,056762%, a 3.275 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq recuava 1,86%, a 10.977 pontos.

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up