for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

Nasdaq encerra em alta com papéis de tecnologia retomando apelo

Prédio da Nasdaq na Times Square iluminado em azul como parte da iniciativa "Light It Blue" para homenagear os profissionais de saúde durante a pandemia de Covid-19 na cidade de Nova York. 23 de abril de 2020. REUTERS/Eduardo Munoz

(Reuters) - O índice Nasdaq fechou em alta de 2% nesta quarta-feira, com investidores migrando de volta para ações de tecnologia e tomando distância de setores economicamente sensíveis, à medida que confrontaram o progresso em uma vacina para a Covid-19 contra um salto nos casos do coronavírus e seus potenciais efeitos sobre a recuperação econômica.

Depois de recuar drasticamente por dois dias, o Nasdaq, concentrado em papéis de tecnologia, foi impulsionado por ações beneficiadas pelo isolamento social, como as de Microsoft e Netflix Inc, que subiram mais de 2%, e de Amazon.com Inc e Apple Inc, com altas superiores a 3%.

Os dados encorajadores de segunda-feira de um ensaio clínico em estágio final da vacina contra o coronavírus levaram a uma migração de dois dias de papéis de tecnologia para setores que apresentam desempenho superior na saída de recessões, como industrial , de materiais básicos e energia.

Mas investidores mudaram de marcha nesta quarta-feira, preferindo o índice S&P para as chamadas “growth stocks”, que inclui papéis de tecnologia (economicamente menos sensíveis) e vendendo integrantes do índice S&P para “value stocks” , que inclui bancos e ações de energia.

“Provavelmente teremos esses trancos e barrancos na rotação até entrarmos na primavera (no Hemisfério Norte)”, disse Shawn Snyder, estrategista-chefe de Investimento da Citi Personal Wealth Management. “Ainda há balanços muito fortes para essas empresas de tecnologia e você ainda está enfrentando um aumento potencial de casos da Covid-19 durante os meses de inverno e novas restrições e paralisações.”

O Dow Jones teve variação negativa de 0,08%, para 29.397,63 pontos, o S&P 500 ganhou 0,77%, para 3.572,66 pontos, e o Nasdaq teve alta de 2,01%, para 11.786,43 pontos.

O índice de tecnologia, com alta de 2,4%, liderou os ganhos entre os 11 principais índices setoriais do S&P 500, seguido pelo índice de consumo discricionário, que fechou com alta de 1,5%, amparado pela Amazon.com. Entre os setores, os maiores declínios foram dos segmentos de materiais básicos, com queda de 1,4%, com o índice de empresas industriais e o de energia vindo na sequência, ambos com queda superior a 0,8%.

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up