21 de Outubro de 2015 / às 19:19 / em 2 anos

CEO da Volkswagen diz que conta do escândalo de emissões pode aumentar

WOLFSBURG, Alemanha (Reuters) - A Volkswagen pode ter que deixar de lado mais do que os 6,5 bilhões de euros que até agora já alocou para cobrir os custos com o escândalo de emissão de poluentes se as vendas forem afetadas, disse o presidente-executivo nesta quarta-feira.

“Os 6,5 bilhões de euros se aplicam para o recall”, disse Matthias Mueller a repórteres após um tour na sede da VW na cidade alemã de Wolfsburg.

“Só posso especular sobre qualquer provisão adicional. Se houver uma mudança nos volumes de vendas, nós devemos agir rapidamente.”

O premiê da Baixa Saxônia, Stefan Weil, membro do conselho de supervisão da VW, disse que as vendas estão estáveis em outubro até o momento.

A Volkswagen também confirmou que interrompeu as vendas dentro da União Europeia de novos carros contendo o software que pode fraudar os testes de emissões de poluentes.

Por Andreas Cremer

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below