25 de Outubro de 2015 / às 12:19 / 2 anos atrás

Premiê da China diz que meta de crescimento de 7% nunca foi cravada oficialmente

PEQUIM (Reuters) - A China nunca disse que a economia precisa crescer exatamente 7 por cento este ano, disse o premiê Li Keqiang em comentários divulgados pelo governo antes de uma importante reunião que vai ocorrer nesta semana e determinará as metas econômicas e sociais para os próximos cinco anos.

Os comentários de Li coincidem com as declarações de uma autoridade sênior do banco central chinês, que afirmou no sábado que a China seria capaz de manter um crescimento econômico anual de cerca de 6 a 7 por cento durante o período.

As declarações ocorrem em um momento de preocupação nos mercados financeiros globais sobre o anteriormente poderoso crescimento econômico chinês.

A China reduziu as taxas de juros pela sexta vez em menos de um ano na sexta-feira. O afrouxamento da política monetária na segunda maior economia mundial está em seu momento mais agressivo desde a crise financeira de 2008/09, uma vez que o crescimento deve recuar para uma mínima de 25 anos este ano, abaixo de 7 por cento.

A economia da China cresceu 6,9 por cento no trimestre de julho a setembro em relação ao ano passado, segundo dados divulgados na semana passada.

Em evento na sexta-feira na Escola Central do Partido, que realiza treinamento de oficiais em ascensão, Li disse que as dificuldades econômicas no horizonte chinês não devem ser subestimadas.

Seu relatório em reunião do Parlamento colocou a meta de crescimento do PIB deste ano em cerca de 7 por cento.

“Nós nunca dissemos que deveríamos defender qualquer meta até a morte, mas que a economia deve operar dentro de uma margem razoável”,  disse o governo chinês, parafraseando declaração de Li, em comunicado divulgado em seu site na noite de sábado.

Líderes chineses vão sinalizar que o crescimento é prioridade sobre a reforma ao estabelecer uma meta de crescimento de cerca de 7 por cento no próximo plano de longo prazo, segundo pessoas envolvidas na política interna.

O comitê central do partido se reunirá de segunda a quinta-feira para definir o 13º Plano Quinquenal.

Reportagem por Ben Blanchard e Meng Meng

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below