23 de Setembro de 2016 / às 12:27 / em um ano

Consórcio liderado por Brookfield paga US$5,2 bi por 90% da NTS, da Petrobras

(Reuters) - Um consórcio liderado pela canadense Brookfield chegou a um acordo com a Petrobras para comprar 90 por cento da unidade de gasodutos Nova Transportadora Sudeste (NTS) da estatal, em negócio de aproximadamente 5,2 bilhões de dólares.

Trabalhador pinta um tanque da Petrobras em Brasília, Brasil 30/009/2015 REUTERS/Ueslei Marcelino/File Photo

A Brookfield vai deter uma participação de controladora no consórcio, que também inclui os fundos CIC Capital Corp, da China, e GIC Private, de Cingapura, que são clientes da Brookfield Asset Management, e o fundo de pensões de British Columbia, no Canadá.

A Reuters havia antecipado o valor da operação no início do mês, citando fonte com conhecimento direto do assunto.

A Petrobras informou nesta sexta-feira que a primeira parcela do montante acordado, correspondente a 84 por cento do valor total (4,34 bilhões de dólares), será paga no fechamento da operação e o restante (850 milhões de dólares), em cinco anos.

A empresa está “fazendo todos os esforços” para obter ainda neste ano as autorizações necessárias para a conclusão da venda, com o objetivo de receber os recursos brevemente, segundo afirmou o gerente-executivo de Gás Natural da Petrobras, Rodrigo Cunha, em conferência com jornalistas nesta sexta-feira.

O acordo para a venda da NTS, que tem cerca de 2,5 mil quilômetros de gasodutos no Sudeste do Brasil, representa o maior desinvestimento até o momento dentro do plano da Petrobras de vender 15,1 bilhões de dólares em ativos em 2015 e 2016.

A venda da NTS não afeta os atuais contratos em vigor para o transporte de gás natural para a Petrobras, que vencem entre 2025 e 2031, explicou Cunha.

O executivo também disse que, em um primeiro momento, a Transpetro, subsidiária de transportes da Petrobras, terá um contrato de operação e manutenção da malha da NTS.

“A operação vai contar com um contrato de operação e manutenção de transição com a Transpetro”, disse ele.

A estatal busca venda de ativos para abater parte de sua enorme dívida --que somou em termos líquidos 332,39 bilhões de reais em 30 de junho--, a maior de uma petroleira no mundo.

“Essa operação abre oportunidades para que parcerias com outras empresas, com larga experiência e condições de investimento, contribuam para o fortalecimento da indústria de gás natural no Brasil”, afirmou a Petrobras em nota.

A estatal afirmou ainda que o acordo fomenta também novos investimentos na ampliação da infraestrutura de transporte de gás, com o objetivo de criar um modelo de desverticalização da cadeia de gás natural.

A estatal brasileira, como dona de 10 por cento da NTS, terá direitos de governança habituais compatíveis com o tamanho de sua participação.

Às 14:41, as ações preferenciais da Petrobras operavam em baixa de 3 por cento, enquanto as ordinárias caíam 4,4 por cento, com o petróleo Brent caindo mais de 3 por cento. O Ibovespa operava em baixa de 0,65 por cento.

O investimento da Brookfield Infrastructure será de cerca de 20 por cento do negócio, enquanto a Brookfield Asset Management concordou em participar inicialmente com cerca de 30 por cento de fatia no consórcio.

A conclusão da transação está sujeita à aprovação da Assembleia Geral da Petrobras e a determinadas condições precedentes usuais, incluindo a aprovação pelos órgãos reguladores competentes.

A Brookfield é uma das maiores gestoras de ativos do mundo, com mais de 200 bilhões de dólares sob administração e vasta experiência em ativos de infraestrutura e energia, cujo portfolio inclui empresas com mais de 14 mil quilômetros de gasodutos nos EUA, Canadá e Austrália.

Por Arathy S Nair em Bangalore, Roberto Samora em São Paulo e Marta Nogueira no Rio de Janeiro; Reportagem adicional de Jeb Blount

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below