11 de Outubro de 2016 / às 11:12 / em um ano

Sindicato no Canadá diz que alcançou acordo com Fiat Chrysler

Logo da Fiat Chrysler Automobiles visto em Turim. 31/03/2014 REUTERS/Giorgio Perottino

TORONTO (Reuters) - A Fiat Chrysler chegou a um acordo preliminar com os trabalhadores sindicalizados no Canadá ao concordar em fazer mais de 400 milhões de dólares canadenses (301 milhões de dólares) em investimentos em operações locais, afirmou o sindicato na noite de segunda-feira.

O acordo foi anunciado poucos minutos antes do prazo limite de meia-noite para uma greve que poderia ter paralisado mais de 9.000 trabalhadores.

“Este tem sido um conjunto muito difícil de negociações”, disse Jerry Dias, presidente nacional do sindicato, Unifor.

Membros do sindicato vão votar sobre o acordo em reuniões de ratificação em 16 de outubro. Uma greve ainda é possível se os trabalhadores votarem contra o acordo.

A greve dos trabalhadores canadenses teria interrompido a produção de minivans construídas em Windsor, Ontário, incluindo o novo Chrysler Pacifica, bem como sedans montados em Brampton, a noroeste de Toronto.

Reportagem de Matt Scuffham

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below