16 de Maio de 2017 / às 00:46 / 3 meses atrás

CSN atrasa resultado do 1º tri; divulga Ebitda preliminar de R$1,3 bi

SÃO PAULO (Reuters) - A Companhia Siderúrgica Nacional (CSN) anunciou que não entregará seus resultados financeiros auditados do primeiro trimestre no prazo regulamentar que termina nesta segunda-feira.

Em comunicado, a fabricante de aço atribuiu o atraso à revisão do tratamento contábil sobre operação feita em 30 de novembro de 2015, que resultou na combinação de negócios das atividades de mineração e logística.

A CSN, contudo, divulgou alguns dados preliminares não auditados, incluindo o lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês) ajustado, que disparou 82 por cento sobre o primeiro trimestre de 2016, para 1,33 bilhão de reais.

O número refletiu em parte o aumento de 15 por cento da receita líquida no comparativo anual, para 4,41 bilhões de reais. A receita subiu apesar de o volume físico de vendas ter caído, com a de aço recuando 4 por cento, para 1,194 milhão de toneladas, e a de minério de ferro recuando 13 por cento, para 7,24 milhões de toneladas.

A CSN fechou março com dívida líquida ajustada de 25,5 bilhões de reais, queda de 4 por cento em 12 meses. A dívida representava 5,4 vezes o Ebitda de 12 meses, ante 6,3 vezes no trimestre anterior e 8,7 vezes um ano antes.

Já o caixa e disponibilidades recuaram 22 por cento, para 5,15 bilhões de reais.

Por Aluísio Alves

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below