14 de Agosto de 2017 / às 20:38 / em 3 meses

Preços do petróleo recuam 2,5% por força no dólar e dados fracos de demanda na China

NOVA YORK (Reuters) - Os preços do petróleo recuaram mais de 2,5 por cento nesta segunda-feira em uma sessão volátil, uma vez que a força no dólar e dados de fraca demanda doméstica na China derrubaram os valores que haviam recebido um breve impulso das preocupações sobre possíveis reduções na oferta de petróleo da Líbia.

O Brent fechou em queda de 1,37 dólar, ou 2,63 por cento, a 50,73 dólares por barril.

O petróleo dos Estados Unidos encerrou em queda de 1,23 dólar, ou 2,52 por cento, a 47,59 dólares por barril.

“É o dólar forte, preocupação com a demanda na China e volumes fracos”, disse Phil Flynn, analista do Price Futures Group em Chicago.

O dólar subiu amplamente à medida que operadores desenrolaram apostas baixistas contra a moeda norte-americana, na sequência das crescentes tensões com a Coreia do Norte e os dados de inflação abaixo do esperado.

Os preços do petróleo caíram após notícias de que as operações das refinarias na China recuaram em julho. Analistas disseram que a queda foi mais acentuada do que o esperado, reforçando preocupações de que o excesso de produtos refinados poderia enfraquecer a demanda chinesa por petróleo.

Por Jessica Resnick-Ault; reportagem adicional de Henning Gloystein e Karolin Schaps

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below