18 de Agosto de 2017 / às 19:04 / um mês atrás

Linha de Transmissão Xingu-Terminal Rio obtém licença do Ibama

SÃO PAULO (Reuters) - O Ibama emitiu a Licença de Instalação (LI) que autoriza o início das obras do Sistema de Transmissão Xingu-Terminal Rio e instalações associadas, que integrará o sistema da usina de Belo Monte, informou o órgão ambiental federal nesta sexta-feira.

Sob responsabilidade da empresa Xingu Rio Transmissora de Energia S.A., a Linha de Transmissão em Corrente Contínua 800 kV Xingu-Terminal Rio, com mais de 2,5 mil quilômetros, será a mais extensa do país, atravessando cinco Estados.

O empreendimento realizará a transmissão da energia gerada pela usina no Pará, com o objetivo de reforçar o Sistema Interligado Nacional (SIN) e aumentar a capacidade de intercâmbio de energia entre as regiões norte e sudeste.

Conforme o Ibama, a licença, concedida em 10 de agosto, estabelece 32 condicionantes e a destinação de mais de 35 milhões de reais para compensação ambiental.

Orçada em mais de 30 bilhões de reais, Belo Monte tem como principais acionistas as elétricas Eletrobras (ELET3.SA), Neoenergia, Cemig (CMIG4.SA) e Light (LIGT3.SA), além da Vale (VALE5.SA), VALE3.SA e dos fundos de pensão Petros e Funcef. [nL1N1K51PH]

Por José Roberto Gomes

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below