23 de Agosto de 2017 / às 14:00 / em 3 meses

Envio de reforma do setor elétrico ao Congresso deve ficar para outubro, diz EPE

SÃO PAULO (Reuters) - As propostas do governo para a reforma das regras do setor elétrico do Brasil, incluindo mecanismos para possibilitar a venda do controle da estatal Eletrobras pela União, deverão ser enviadas para análise do Congresso Nacional em outubro, disse nesta quarta-feira o presidente da Empresa de Pesquisa Energética (EPE), Luiz Barroso, ao participar de evento do setor em São Paulo.

Antes, o governo disse que enviaria as propostas, possivelmente por medida provisória, até setembro. Segundo Barroso, será preciso quase um mês para analisar os resultados de uma consulta pública já realizada sobre as mudanças.

“Devemos investir um mês no processo como um todo para encaminhar ao Congresso em outubro, essa é a ideia e acho que é factível. A gente tem que ser responsável nesse processo, não colocar o carro na frente dos bois”, afirmou.

Por Luciano Costa

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below