25 de Agosto de 2017 / às 18:47 / em 3 meses

Senadora questiona rápida aprovação de aquisição do Whole Foods pela Amazon.com

WASHINGTON (Reuters) - Uma senadora democrata dos Estados Unidos questionou nesta sexta-feira a rápida aprovação pela Comissão Federal de Comércio da compra do Whole Foods Market pela Amazon.com nesta semana, menos de três meses após o negócio de 13,7 bilhões ter sido anunciado.

Mercado da rede Whole Foods em Nova York, Estados Unidos 16/06/2017 REUTERS/Carlo Allegri

A comissão disse nesta quarta-feira que havia encerrado sua investigação antitruste sem pedir novamente informações adicionais sobre o acordo, que impactou o setor supermercadista.

A senadora Amy Klobuchar, de Minnesota, disse em um comunicado nesta sexta-feira que estava preocupada com a decisão da comissão de não “revisar completamente” o acordo, que foi anunciado em 16 de junho.

“O acesso cada vez maior da Amazon aos dados e comportamentos dos consumidores e sua dominância no varejo online levantam questões sobre a possibilidade de esta fusão prejudicar os clientes e suprimir a competição”, disse ela.

A senadora disse que vai pedir que a comissão explique porque tomou uma decisão tão rapidamente.

A Amazon não quis comentar. A comissão não respondeu imediatamente a um pedido de comentários.

(Por David Shepardson)

((Tradução Redação São Paulo 56447764))

REUTERS NS RBS

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below