23 de Setembro de 2017 / às 13:27 / em 2 meses

Favela da Rocinha tem novo tiroteio na madrugada de sábado

RIO DE JANEIRO (Reuters) - Um novo tiroteio foi registrado na madrugada deste sábado na comunidade da Rocinha, no Rio de Janeiro, que está ocupada por tempo indeterminado por tropas policiais e militares desde a sexta-feira.

O confronto assustou moradores da comunidade e do bairro de São Conrado, localizado numa parte nobre da cidade.

“O tiroteio foi muito intenso. Ninguém dormiu tranqüilo“, disse à Reuters uma moradora da região.

Por conta do tiroteio, uma autoestrada e um túnel próximos à Rocinha precisaram ser fechados pelas forças de segurança.

O Comando Militar do Leste informou que durante a madrugada cinco criminosos foram presos ao tentarem romper o cerco na Rocinha. Com eles, foram apreendidos um fuzil, armas, munições, rádios transmissores, carregadores, drogas, dinheiro e anotações do tráfico.

“Os suspeitos e material apreendido foram entregues à 11ª Delegacia de Polícia, na Rocinha”, informou o CML.

As forças de segurança acreditam estarem perto do esconderijo do grupo do bandido conhecido como Rogério 157, que deu início à “guerra” na Rocinha no último fim de semana pelo controle dos pontos de vendas de drogas.

“A quadrilha dele está acuada e isolada... temos informações que alguns já falam em se entregar”, disse o delegado Antônio Ricardo.

Na madrugada, também houve tiroteio entre policiais e traficantes no morro Dona Marta, em Botafogo, na zona sul da cidade e 10 fuzis foram apreendidos na Favela do Caju , região portuária. O armamento, segundo a polícia, tinha como destino a Rocinha. Um traficante foi preso.

O clima entre cariocas é de medo e apreensão e muita gente evita sair de casa. O trânsito na cidade está atípico e sem congestionamentos.

“Não se deve circular no momento de disparos, se busque abrigo, mas não havendo confronto, circule e leve a vida ao normal porque a polícia está na Rocinha junto com as Forças Armadas”, disse o secretário de Segurança do Estado, Roberto Sá.

Os confrontos ocorrem num momento em que a cidade recebe o Rock in Rio, evento que atrai muitos turistas e conta com a presença de diversas bandas do Brasil e do exterior.

Reportagem de Rodrigo Viga Gaier

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below