27 de Setembro de 2017 / às 00:27 / em 2 meses

Embraer comemora decisão dos EUA contra Bombardier por subsídios

SÃO PAULO (Reuters) - A brasileira Embraer (EMBR3.SA) celebrou a decisão do Departamento de Comércio dos Estados Unidos na terça-feira de impor tarifas compensatórias preliminares antisubsídios de 220 por cento nos jatos CSeries produzidos pela Bombardier (BBDb.TO).

A decisão veio depois que a Boeing (BA.N) afirmou que os jatos CSeries são injustamente subsidiados pelo governo do Canadá.

Embraer disse em uma declaração por email que a decisão dos EUA reforça o argumento do Brasil perante a Organização Mundial do Comércio (OMC) de que os subsídios à Bombardier violam as obrigações comerciais do Canadá.

No entanto, uma fonte da indústria aeronáutica disse que a decisão dos EUA tem resultado misto para a Embraer, uma vez que pode levar companhias aéreas a desistirem de comprar os jatos brasileiros por medo de atraírem represália comercial similar.

Por Brad Haynes

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below