28 de Setembro de 2017 / às 22:04 / 2 meses atrás

Após compra da CSA, Ternium anuncia investimento de US$1,1 bi no México e Colômbia

SÃO PAULO (Reuters) - O grupo siderúrgico Ternium anunciou nesta quinta-feira investimento de 1,1 bilhão de dólares na construção de um laminador a quente em usina no México e de uma fábrica de vergalhões na Colômbia.

O investimento foi anunciado dias após a empresa concluir a compra da Companhia Siderúrgica do Atlântico (CSA), do grupo alemão Thyssenkrupp, por 1,4 bilhão de euros. O negócio elevou em 5 milhões de toneladas anuais a capacidade da Ternium de produção de placas de aço, material semi-acabado que precisa ser laminado antes de ir a clientes finais.

Segundo a Ternium, o novo laminador mexicano será instalado em complexo industrial da empresa em Pesquería, que já abriga linhas de laminação a frio e galvanização. A projeto de laminados a quente terá capacidade de produção anual de 3,7 milhões de toneladas e receberá investimento de 1,1 bilhão de dólares. A nova linha entrará em operação no segundo semestre de 2020. A empresa poderá elevar a capacidade de produção do equipamento em 1,1 milhão de toneladas anuais “um pequeno investimento adicional”, diz trecho do comunicado.

“Este novo equipamento, uma vez em operação, integrará a capacidade de produção de aço da Ternium no Brasil e a usina de Pesquería (no México)”, disse o presidente-executivo da Ternium, Daniel Novegil. No Brasil, além de controlar a CSA, a Ternium participa do grupo de controle da Usiminas, maior produtora de aços planos do país em capacidade instalada.

A Ternium afirmou que a fábrica de vergalhões que vai erguer na Colômbia terá capacidade de produção anual de 520 mil toneladas e vai consumir investimento de cerca de 90 milhões de dólares. A unidade expandirá a capacidade de produção de vergalhões da Ternium na Colômbia para 720 mil toneladas e está prevista para entrar em operação no segundo semestre de 2019.

Mais cedo este ano, a Gerdau, maior produtora de aços longos das Américas, anunciou a venda de metade de sua fatia na produtora colombiana de vergalhões Gerdau Diaco para a Putney Capital Management, formando uma joint venture no país, numa estratégia de rentabilização de ativos.

Por Alberto Alerigi Jr.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below