3 de Outubro de 2017 / às 10:14 / em 2 meses

Energia e bens intermediários impulsionam preços ao produtor na zona do euro em agosto

BRUXELAS (Reuters) - Os preços ao produtor na zona do euro subiram mais do que o esperado em agosto, impulsionados pela energia e pelos bens intermediários mais caros, mostraram nesta terça-feira dados da agência de estatísticas da União Europeia, a Eurostat.

A Eurostat informou que os preços nos portões das fábricas dos 19 países que usam o euro avançaram 0,3 por cento em agosto sobre o mês anterior e 2,5 por cento na base anual. Economistas consultados pela Reuters esperavam aumentos respectivamente de 0,1 e de 2,3 por cento.

Os preços ao produtor indicam mudanças na inflação ao consumidor, porque suas altas em geral são transmitidas ao consumidor.

O Banco Central Europeu quer manter a inflação ao consumidor abaixo mas perto de 2 por cento no médio prazo e está comprando 60 bilhões de euros em títulos no mercado secundário para injetar mais dinheiro na economia e estimular a alta dos preços. A inflação ao consumidor ficou em 1,5 por cento em agosto e em setembro.

Reportagem de Jan Strupczewski

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below