March 8, 2018 / 1:16 PM / in 4 months

Dólar tem leves oscilações ante o real, de olho em cena externa

SÃO PAULO (Reuters) - O dólar exibia leves oscilações ante o real nesta quinta-feira, de olho na cena externa e cautela com a possibilidade de guerra comercial com os planos do governo dos Estados Unidos de taxar importações de aço e alumínio.

Notas de reais e dólares em uma casa de câmbio no Rio de Janeiro 10/09/2015 REUTERS/Ricardo Moraes

Às 10:10, o dólar recuava 0,04 por cento, a 3,2429 reais na venda, depois de subir 1,05 por cento na véspera. O dólar futuro tinha leve perda de cerca de 0,05 por cento.

“Houve sinalização de que poderia haver isenções (de impostos), mas ainda não tem nada certo”, afirmou o operador do Grupo Ourominas Ademar Vitor Pereira.

Na véspera, a Casa Branca anunciou que importantes parceiros comerciais, como México e Canadá, devem ficar de fora da regra de taxação sobre o aço e alumínio.

Nesta manhã, no microblog Twitter, o presidente norte-americano, Donald Trump, disse que terá reunião nesta tarde para discutir a taxação e que os Estados Unidos querem mostrar “flexibilidade e cooperação com aqueles que são amigos verdadeiros”.

No exterior, o dólar exibia leves oscilações ante uma cesta de moedas, perdendo força após a divulgação da decisão de política monetária do Banco Central Europeu (BCE).

A autoridade do bloco europeu reafirmou a sua política monetária ultrafrouxa, mas retirou a promessa de aumentar as compras de títulos se necessário, dando outro pequeno passo em direção a reduzir suas extraordinárias medidas de estímulo.

O euro, que recuava antes da decisão, passou a exibir leve alta ante o dólar.

Os investidores também estavam à espera do relatório do mercado de trabalho norte-americano na sexta-feira depois de forte criação de vaga no setor privado divulgada na véspera.

Dados mais robustos podem reforçar as apostas de aperto mais intenso dos juros neste ano. Por enquanto, o Federal Reserve, banco central do país, prevê três altas neste ano, com amplas apostas dos agentes econômicos de que a primeira será feita neste mês.

O Banco Central brasileiro não anunciou intervenção para o mercado cambial nesta quinta-feira, por enquanto. Em abril, vencem 9,029 bilhões de dólares em swaps cambiais tradicionais, equivalentes à venda de dólares no mercado futuro.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below