March 9, 2018 / 11:48 AM / in 3 months

IGP-M acelera alta a 0,60% na 1ª prévia de março com preços dos alimentos no atacado

SÃO PAULO (Reuters) - O Índice Geral de Preços-Mercado (IGP-M) acelerou a alta a 0,60 por cento na primeira prévia de março depois de subir 0,16 por cento no mesmo período do mês anterior, com destaque para a alta nos preços de alimentos in natura no atacado, informou a Fundação Getulio Vargas (FGV) nesta sexta-feira.

Consumidora compra frutas em mercado no Rio de Janeiro 09/05/2017 REUTERS/Ricardo Moraes

No período, o Índice de Preços ao Produtor Amplo (IPA) apresentou avanço de 0,83 por cento, sobre variação positiva de 0,05 por cento no mês anterior. O IPA mede a variação dos preços no atacado e responde por 60 por cento do índice geral.

No IPA, segundo a FGV, os Bens Finais avançaram em média 0,43 por cento na primeira leitura de março, depois de caírem 0,32 em fevereiro, movimento impactado pela alta em alimentos in natura que saltaram 7,39 por cento, sobre deflação de 3,25 por cento.

Já o índice de Bens Intermediários desacelerou alta a 44 por cento, ante 1,25 por cento, com o recuo de 1,93 por cento nos preços de combustíveis e lubrificantes para produção, ante 1,54 por cento.

Para o consumidor a pressão diminuiu, uma vez que a alta do Índice de Preços ao Consumidor (IPC), que tem peso de 30 por cento no índice geral, desacelerou a 0,17 por cento na primeira prévia de março, de 0,40 por cento no mesmo período de fevereiro.

Sete das oito despesas que compõe o índice decréscimo na primeira prévia de março, com destaque para o grupo Educação, Leitura e Recreação que recuou 0,34 por cento, ante alta de 1,42 por cento em fevereiro. O grupo Alimentação também registrou queda de 0,09 por cento, ante alta de 0,18 por cento, influenciado pela desaceleração da alta dos preços em hortaliças e legumes.

O Índice Nacional de Custo da Construção (INCC), por sua vez, avançou 0,23 por cento na primeira prévia de março, contra alta de 0,25 por cento no período anterior.

O IGP-M é utilizado como referência para a correção de valores de contratos, como os de aluguel de imóveis.

Veja abaixo a variação dos grupos (em %):

1ª prévia de 1ª prévia

fevereiro de março

IGP-M +0,16 +0,60

IPA +0,05 0,83

.Estágios

..Bens Finais -0,32 +0,43

..Bens Intermediários +1,25 +0,44

..Matérias Primas Brutas -0,94 +1,80

.Origem

..Produtos Agropecuários -1,06 +2,00

..Produtos Industriais +0,41 +1,82

IPC +0,40 +1,01

.Alimentação +0,18 +1,08

.Habitação -0,18 -0,24

.Vestuário +0,53 -0,81

.Saúde e Cuidados Pessoais +0,61 +1,34

.Educação, Leitura e Recreação +1,42 +2,14

.Transportes +1,02 +2,84

.Despesas Diversas +0,23 +0,50

.Comunicação +0,06 +0,18

INCC +0,25 +0,65

.Materiais, Equipamentos e +0,55 +1,41

Serviços

.Mão de Obra 0,00 +0,03

Por Taís Haupt; Edição de Camila Moreira

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below