April 2, 2018 / 2:58 PM / 5 months ago

Baker Hughes e GE assinam contrato com Iraque para processar gás natural em dois campos

BAGDÁ (Reuters) - A Baker Hughes BHGE.N e a General Electric (GE.N) assinaram um contrato com o governo do Iraque nesta segunda-feira para processar o gás natural extraído junto com petróleo em dois campos no sul do país, disse o Ministério do Petróleo.

REUTERS/Chris Helgren

O plano foi anunciado pela GE em julho passado e é parte dos esforços do Iraque para parar de queimar o gás associado ao petróleo até 2021. O Iraque continua a queimar parte desse gás porque não tem instalações para transformá-lo em combustível para consumo local ou exportações.

     A queima de gás custa cerca de 2,5 bilhões de dólares em receita perdida para o governo e seria suficiente para atender à maioria das necessidades de geração de energia a partir de gás, segundo o Banco Mundial.

O contrato com o Baker Hughes e a GE prevê o processamento do gás nos campos de petróleo de Nassiriya e Al Gharraf.

É o segundo contrato assinado pelo Iraque para processar o gás associado ao petróleo, após um contrato com a empresa norte-americana de energia Orion, em janeiro.

Espera-se que a produção de gás associado no Iraque cresça à medida que o país aumenta sua capacidade de produção de petróleo.

Por Maher Chmaytelli

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below