April 6, 2018 / 1:04 PM / 6 months ago

Criação de vagas de trabalho nos EUA é a menor em seis meses, crescimento do salário acelera

WASHINGTON (Reuters) - A economia dos Estados Unidos criou o menor número de vagas de trabalho em seis meses em março uma vez que as temperaturas voltaram ao normal, mas a aceleração dos ganhos salariais indicou um aperto no mercado de trabalho que deve permitir ao banco central elevar mais a taxa de juros neste ano.

Placa indica que restaurante está contratando funcionários na Califórnia, Estados Unidos 17/07/2017 REUTERS/Mike Blake

Foram criados 103 mil postos de trabalho fora do setor agrícola no mês passado com os setores de construção e varejo cortando vagas, informou o Departamento do Trabalho dos EUA nesta sexta-feira. Essa foi a menor quantia desde setembro, após criação de 326 mil em fevereiro.

As temperaturas voltaram ao normal em março, com algumas tempestades de neve. O crescimento do emprego também está moderando, conforme o mercado de trabalho atinge o pleno emprego. Houve um aumento nos relatos de empregadores, especialmente nos setores de construção e manufatura, com dificuldades para encontrar trabalhadores qualificados.

O crescimento do emprego em março ficou abaixo da média de 202 mil vagas dos últimos três meses e próximo dos cerca de 100 mil postos de trabalho por mês necessários para acompanhar o crescimento da população em idade ativa.

A taxa de desemprego se manteve estável em 4,1 por cento pelo sexto mês consecutivo, mesmo com as pessoas deixando a força de trabalho.

Economistas consultados pela Reuters projetavam que a economia acrescentaria 193 mil empregos no mês passado e que a taxa de desemprego cairia para 4 por cento.

Com a ociosidade do mercado de trabalho diminuindo, o crescimento da renda aumentou um pouco em março. A renda média por hora aumentou 0,3 por cento no mês passado, depois de avançar 0,1 por cento em fevereiro. O ganho elevou o aumento anual do salário médio por hora para 2,7 por cento, de 2,6 por cento em fevereiro.

Economistas dizem que o crescimento da renda anual de pelo menos 3 por cento é necessário para elevar a inflação em direção à meta de 2 por cento do Fed. Há expectativas de que o crescimento da renda acelere no segundo semestre do ano e permita que o Federal Reserve continue aumentando a taxa de juros.

O Fed aumentou os custos dos empréstimos no mês passado e projetou mais dois aumentos da taxa de juros neste ano. Os economistas não viram um impacto sobre a contratação no curto prazo de uma recente liquidação no mercado acionário, o que causou um aperto nas condições financeiras.

O retorno do clima frio e a escassez de trabalhadores qualificados pesou sobre a contratação em áreas de construção em março. Foram fechadas 15 mil vagas no setor, a primeira queda desde julho, após criação de 65 mil em fevereiro.

Na indústria foram abertos 22 mil postos de trabalho, enquanto o varejo fechou 4.400, após abrir 47.300 posições em fevereiro.

Por Lucia Mutikani

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below