May 14, 2018 / 1:11 PM / 4 months ago

China amplia inspeção sobre exportações de carne suína dos EUA

PEQUIM (Reuters) - A alfândega da China confirmou nesta segunda-feira que Pequim ampliou inspeções sobre exportações de carne suína dos Estados Unidos, conforme comunicado, confirmando informação publicada pela Reuters na semana passada.

Trabalhador em mercado de carne em Pequim 10/01/2018 REUTERS/Jason Lee

Segundo o texto, a decisão foi tomada após o país ter encontrado problemas recentes em importações de carne suína dos EUA.

A alfândega não decidiu implementar passos adicionais sobre outros produtos agrícolas dos EUA e dá tratamento igual à inspeção de produtos agrícolas de todos os países, afirma o comunicado.

Segundo reportagem da Reuters na semana passada, as medidas tomadas pela China atingiram também a chinesa WH Group, maior companhia de carne suína do mundo e controladora da Smithfield Foods nos EUA.

Luis Chein, um diretor na WH Group, afirmou na ocasião à Reuters que os portos chineses estão abrindo e inspecionando cada carga que chega ao país. A WH Group é a maior importadora chinesa de carne suína dos EUA.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below