May 29, 2018 / 3:19 PM / 24 days ago

Greve de caminhoneiros reduzirá exportações de veículos em 10 mil a 20 mil unidades em maio

SÃO PAULO (Reuters) - A paralisação dos caminhoneiros que entrou no nono dia nesta terça-feira deve causar uma queda nas exportações brasileiras de veículos da ordem de 10 mil a 20 mil unidades em maio e comprometer a meta do setor de exportações de 800 mil veículos este ano, afirmou o presidente da Anfavea, Antonio Megale.

Veículos em cima de caminhão-cegonha em fábrica em São Bernardo do Campo 05/01/2017 REUTERS/Paulo Whitaker

Segundo Megale, que participa de fórum de investimentos em São Paulo e preside a associação que representa as montadoras de veículos instaladas no país, os números de produção e vendas de modelos novos serão “inevitavelmente impactados pela greve dos caminhoneiros” em maio.

Antes da greve dos caminhoneiros, o setor de veículos do país era um dos poucos atravessando recuperação vigorosa. A Anfavea anunciou na semana passada que as montadoras do país pararam suas fábricas na sexta-feira em meio a dificuldades no recebimento de peças e no envio dos veículos prontos às concessionárias.

Por Aluísio Alves

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below