June 8, 2018 / 12:46 PM / 4 months ago

EXCLUSIVO-Irã crítica EUA após pedido a sauditas por maior produção de petróleo

LONDRES (Reuters) - O Irã criticou um pedido dos Estados Unidos para que a Arábia Saudita bombeie mais petróleo para cobrir uma queda nas exportações iranianas e previu que a Opep não atenderá ao apelo, preparando terreno para uma dura reunião do grupo produtor no final deste mês.

Representante iraniano na Opep, Hossein Kazempour Ardebili, durante coletiva de imprensa em Teerã 07/03/2005 REUTERS/Morteza Nikoubazl

O governador iraniano na Opep, Hossein Kazempour Ardebili, estava respondendo às notícias de que o governo dos EUA havia solicitado extraoficialmente à Arábia Saudita e a alguns outros produtores do cartel para que aumentassem a produção.

“É uma loucura e espantoso ver instruções vindas de Washington à Arábia Saudita para agir e substituir o déficit de exportação do Irã devido à sua sanção ilegal ao Irã e à Venezuela”, disse Kazempour em comentários à Reuters.

Ele previu que a Opep não atenderá ao pedido dos EUA e disse que os preços do petróleo devem saltar em resposta às sanções de Washington ao Irã e à Venezuela, como fizeram durante uma rodada anterior de sanções dos EUA contra o Irã.

“Ninguém na Opep vai agir contra dois de seus membros fundadores”, disse ele. “Os EUA tentaram da última vez contra o Irã, mas os preços do petróleo chegaram a 140 dólares por barril.”

A Organização dos Países Exportadores de Petróleo reúne-se para revisar sua política de produção de petróleo em 22 de junho, em Viena.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below