August 30, 2018 / 12:37 PM / in 19 days

Futuros do aço na China têm maior queda desde março; minério de ferro tem leve alta

MANILA (Reuters) - Os contratos futuros do aço na Bolsa de Xangai caíram pelo sétimo dia consecutivo nesta quinta-feira e registraram a maior queda diária desde março, com os investidores continuando a embolsar lucros após uma alta que levou os preços a uma máxima em sete anos.

Analistas, no entanto, dizem que as restrições de produção na China como parte de sua campanha antipoluição devem apoiar os preços do aço pelo menos nos próximos seis meses.

O vergalhão para janeiro na Bolsa de Futuros de Xangai, o mais negociado, fechou em queda de 2,5 por cento, a 4.118 iuanes (603 dólares) por tonelada, a maior queda em um único dia desde o final de março.

O aço de construção caiu quase 7 por cento desde que atingiu o maior nível em sete anos, de 4.418 iuanes, em 22 de agosto.

O minério de ferro na Bolsa de Mercadorias de Dalian ganhou 0,2 por cento, para 484,50 iuanes por tonelada, após ter atingido mais cedo uma mínima em quase seis semanas, de 476 iuanes.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below