August 31, 2018 / 7:54 PM / in 3 months

Safra de soja 18/19 do Paraná deve crescer 3%, milho verão avançar 11%, diz Deral

Grãos de soja armazenados 06/02/2013 REUTERS/Paulo Whitaker

SÃO PAULO (Reuters) - A safra de soja do Paraná, o segundo produtor da oleaginosa do Brasil, deverá atingir 19,6 milhões de toneladas em 2018/19, o que seria um crescimento de 3 por cento ante 2017/18, previu nesta sexta-feira o Departamento de Economia Rural (Deral), em sua primeira projeção para a temporada.

Caso se confirme, a produção paranaense ficaria ligeiramente abaixo do recorde de 19,9 milhões de toneladas alcançado em 2016/17.

A área plantada com a oleaginosa tende a ficar estável, em torno de 5,45 milhões de hectares.

Segundo o Deral, vinculado à Secretaria de Agricultura do Estado, o ganho de produção esperado se dará graças à perspectiva de um rendimento por hectare 2 por cento maior, na casa das 3,6 toneladas.

A projeção do departamento se dá em meio a diversas incertezas no setor produtivo, incluindo os efeitos do tabelamento de fretes para a negociação futura da safra.

De outro, o segmento ainda tem dúvidas se poderá utilizar o glifosato, um importante herbicida, após uma decisão judicial concedida no início do mês.

MILHO

O Deral estimou uma produção de 3,21 milhões de toneladas de milho na primeira safra 2018/19, colhida no verão, alta de 11 por cento sobre 2017/18.

Neste caso, o cereal contaria com uma área 6 por cento maior, de 352,2 mil hectares, com produtividade 5 por cento superior, de 9,11 toneladas por hectare.

Por Roberto Samora e José Roberto Gomes

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below