September 6, 2018 / 12:55 PM / 2 months ago

Hedge em gasolina pela Petrobras seguirá contratos futuros nos EUA, diz CFO

Logo da Petrobras em frente a prédio da empresa em São Paulo 23/04/2015 REUTERS/Paulo Whitaker

RIO DE JANEIRO (Reuters) - O mecanismo de hedge para a política de preços da gasolina da Petrobras, anunciado nesta quinta-feira pela petroleira, utilizará como instrumento financeiro os contratos futuros do combustível no mercado norte-americano, afirmou um executivo da companhia.

Em coletiva com jornalistas, o diretor-executivo da Área Financeira e de Relacionamento com Investidores (RI) da empresa, Rafael Grisolia, destacou que o mecanismo já está valendo a partir desta quinta-feira.

Mais cedo, a Petrobras disse que o mecanismo de hedge dará à companhia mais flexibilidade na formação de preços da gasolina, que hoje têm reajustes até diários, ao possibilitar a manuntenção das cotações estáveis por períodos de até 15 dias nas refinarias.

Segundo a Petrobras, a política de reajustes será mantida, mas a companhia poderá escolher momentos para aplicar o instrumento de hedge e estabilizar os preços, o que segundo a companhia será feito “considerando a análise de conjuntura, em cenários de elevada volatilidade do mercado”.

Por Marta Nogueira

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below