September 18, 2018 / 2:18 PM / a month ago

Renault-Nissan adota sistema Android, em vitória para o Google

PARIS (Reuters) - A aliança de montadoras Renault-Nissan-Mitsubishi informou nesta terça-feira que vai adotar o sistema operacional Google Android, da Alphabet, em uma vitória para a gigante norte-americana de tecnologia que busca uma participação maior no mercado de infoentretenimento.

23/2/2017 REUTERS/Benoit Tessier

Renault, Nissan e Mitsubishi, com vendas combinadas de 10,6 milhões de veículos no ano passado, disseram que os futuros modelos vão “integrar aplicativos e serviços Google”, incluindo Maps e o Google Assistant comandando por voz.

A medida, reportada inicialmente pelo jornal Wall Street Journal, inclina-se mais fortemente para grandes empresas de tecnologia do que as montadoras rivais grandes ou de luxo até agora estavam dispostas a fazer. Muitos temem perder o controle de relacionamento com clientes, dados e, potencialmente, significativa receita futura de serviços conectados.

Algumas empresas menores como Volvo Cars [GEELY.UL] decidiram embutir o Android Auto em seus veículos. No entanto, a escala da mudança pela Renault-Nissan-Mitsubishi pode levar a uma mudança mais ampla de pensamento sobre caras estratégicas tecnológicas independentes.

“Grandes montadores anteriormente eram relutantes a fazer negócios com o Google, mas isso agora mudou”, disse Jauke de Jong, analista da AFS Group, em Amsterdã. “Mais montadoras podem seguir o caminho e fechar parceria com o Google.”

Até agora, montadoras têm amplamente escolhido software Linux, Microsoft ou QNX para abastecer o infoentretenimento. Isso gera plataformas mais ousadas que eles podem controlar, mas que oferecem pouco espaço para adicionar novos aplicativos ou funcionalidades.

A decisão pode causar problemas para algumas fornecedoras de tecnologia para setor automotivo como a especialista em mapeamento TomTom, que conta com a Renault entre seus clientes. As ações da empresa holandesa caíam mais de 26 por cento após o anúncio.

Em troca de entregar ao Google as chaves do infoentretenimento, a aliança vai levar a influência total dos milhares de aplicativos do Android para os modelos de suas marcas —o que inclui um contingente grande de modelos com preços acessíveis para mercados emergentes.

Reportagem adicional de Gilles Guillaume e Richard Lough

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below