September 21, 2018 / 5:21 PM / 3 months ago

Petroleiras dos EUA cortam sondas pela 2ª semana em três, diz Baker Hughes

(Reuters) - As companhias de energia dos Estados Unidos reduziram o número de sondas de petróleo em atividade pela segunda semana em três, com as novas perfurações estagnadas no maior campo de petróleo do país, onde a produção deve crescer em no ritmo mais lento em quase dos anos devido a restrições na capacidade de oleodutos.

As petroleiras desativaram uma sonda na semana até 21 de setembro, trazendo a contagem total a 866, disse a empresa de serviços de energia Baker Hughes, da GE, em seu relatório semanal nesta sexta-feira.

A contagem de sondas dos EUA, um indicador prévio da produção futura, está muito maior do que há um ano, quando 744 sondas estavam ativas, à medida que empresas de energia impulsionaram a produção esperando preços mais altos em 2018 do que nos anos anteriores.

Mas a contagem está praticamente estável desde junho, pouco acima de 860 sondas, já que os preços do petróleo na região de Permian, no oeste do Texas e no leste do Novo México, colapsaram em decorrência da falta de infraestrutura de oleodutos para transportar o combustível da região. A bacia de Permian é a maior formação de “shale” nos EUA.

Por Scott DiSavino

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below