September 24, 2018 / 6:27 PM / 24 days ago

Governo prevê cerca de R$6 bi com imóveis do INSS que serão transferidos para União

BRASÍLIA (Reuters) - Cerca de 3,8 mil imóveis não operacionais do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), avaliados em torno de 6 bilhões de reais, serão transferidos para a União, que poderá então vendê-los e destinar os recursos à diminuição do rombo previdenciário, informou o Ministério do Planejamento nesta segunda-feira.

Modelo de prédio residencial para compra de imóvel na planta em São Paulo 25/04/2018 REUTERS/Nacho Doce

Questionada pela Reuters, a pasta destacou que não há previsão para a realização de qualquer operação.

A transferência para União foi instituída por Medida Provisória publicada nesta segunda-feira no Diário Oficial da União. Antes os imóveis eram parte do Fundo do Regime Geral de Previdência Social (FRGPS). Segundo o Planejamento, a transferência auxiliará na redução do déficit previdenciário, com a amortização das dívidas do fundo com o Tesouro Nacional.

Em outra frente, a MP extingue o Fundo Contingente da extinta Rede Ferroviária Federal (RFFSA).

“Com a extinção, ficam liberados 1,4 bilhão de reais em imóveis que poderão ser alienados, doados ou cedidos pela SPU (Secretaria do Patrimônio da União do Ministério do Planejamento). O objetivo é dar mais agilidade à administração desses bens, destinando-os a obras de infraestrutura, saúde e educação em municípios e a programas sociais, a exemplo do Minha Casa, Minha Vida”, afirmou o ministério.

Por Marcela Ayres

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below