October 25, 2018 / 11:47 AM / a month ago

BC da Turquia mantém juros após recuperação da lira e fortes altas neste ano

Pessoa conta liras turcas em casa de câmbio de Istambul, Túrquia 13/08/2018 REUTERS/Murad Sezer

ISTAMBUL (Reuters) - O banco central da Turquia deixou inalterada sua taxa de juros nesta quinta-feira como esperado, após a forte alta em setembro e depois da melhora nas relações diplomáticas com os Estados Unidos que ajudaram a lira a recuperar parte das enormes perdas deste ano.

A lira havia despencado uma vez que os laços com Washington azedaram e cada lado adotou sanções e tarifas adicionais. No centro da disputa estava a detenção na Turquia de um pastor norte-americano, que depois foi libertado.

Para sustentar a moeda e conter a inflação, o banco central elevou no mês passado a taxa básica de juros em 6,25 pontos percentuais, em uma medida que também aliviou as preocupações dos investidores com a independência da autoridade monetária.

“Os recentes acontecimentos relacionados às perspectivas de inflação indicam riscos significativos para a estabilidade de preços”, disse o banco em comunicado. “Embora as condições de demanda doméstica mais fraca mitiguem parcialmente a deterioração no cenário de inflação, os riscos de alta para o comportamento dos preços continuam a prevalecer.”

O presidente Tayyip Erdogan, autodenominado “inimigo” dos juros, quer crédito mais barato para empresas para impulsionar a atividade econômica. Os pedidos dele para juros mais baixos afetaram a confiança na capacidade do banco central de responder adequadamente ao aumento da inflação, que chegou a uma máxima de 15 anos em setembro.

O banco central manteve sua taxa de recompra de uma semana em 24 por cento nesta quinta-feira. Doze de 15 economistas em pesquisa da Reuters projetavam manutenção.

A lira ainda registra perdas de cerca de 30 por cento contra o dólar este ano, mas encontrou suporte desde a libertação do pastor norte-americano Andrew Brunson.

Após a decisão do banco central, a moeda inicialmente enfraqueceu para 5,71 contra o dólar, ante 5,67 antes do anúncio. Por volta das 8h38 (horário de Brasília), era cotada 5,6566 por dólar.

Reportagem de Ezgi Erkoyun

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below