October 26, 2018 / 5:04 PM / 21 days ago

FMI eleva acordo de financiamento da Argentina para US$56,3 bi

WASHINGTON/BUENOS AIRES (Reuters) - O Fundo Monetário Internacional (FMI) informou nesta sexta-feira que aprovou uma medida para elevar o acordo “stand-by” de financiamento para a Argentina a cerca de 56,3 bilhões de dólares.

O presidente da Argentina, Mauricio Macri, fechou um acordo de 50 bilhões de dólares com o FMI em junho, na expectativa de que ajudaria a conter a desvalorização do peso.

Mas o peso continuou caindo, forçando-o a renegociar o acordo. Após uma reunião do conselho do FMI na sexta-feira, o fundo divulgou um breve comunicado que não especificou os termos do acordo revisado de financiamento.

A popularidade de Macri tem caído uma vez que ele cortou benefícios previdenciário e subsídios a empresas de serviços públicos. A polícia usou balas de borracha contra manifestantes na frente do Congresso na quarta-feira, quando parlamentares debatiam e depois aprovaram a lei orçamentária de 2019, que codifica as metas fiscais definidas com o FMI.

Por Jason Lange em Washington e Hugh Bronstein em Buenos Aires

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below