November 6, 2018 / 9:57 AM / 6 days ago

China diz estar pronta para negociar com os EUA e não vê vencedores em guerra comercial

Bandeiras dos EUA e da China durante encontro de diplomatas em Pequim 05/09/2012 REUTERS/Feng Li/Pool

CINGAPURA (Reuters) - A China está pronta para manter discussões e trabalhar com os Estados Unidos para resolver as disputas comerciais porque as duas maiores economias do mundo só têm a perder com o confronto, afirmou nesta terça-feira o vice-presidente chinês, Wang Qishan.

Pequim e Washington adotaram tarifas sobre os produtos uns dos outros nos últimos meses, em uma disputa comercial que vem afetando os mercados financeiros e provocando dúvidas sobre a economia global.

O foco agora está sobre a reunião do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, com o presidente chinês, Xi Jinping, no final do mês. Trump ameaçou impor mais tarifas sobre 267 bilhões de dólares em importações chinesas se os dois países não chegarem a um acordo sobre o comércio.

“Tanto a China quanto os EUA adorariam ver uma maior cooperação econômica e comercial”, disse Wang ao Fórum Bloomberg New Economy em Cingapura.

“O lado chinês está pronto para ter discussões com os EUA sobre questões de preocupação mútua e trabalhar por uma solução em relação ao comércio aceitável para ambos os lados”, disse ele.

“O mundo hoje enfrenta muitos problemas que exigem cooperação próxima entre China e Estados Unidos”, completou ele. “Acreditamos que a China e os EUA vão ganhar com cooperação e perder com confronto.”

Reportagem de John Geddie e Fathin Ungku

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below