November 20, 2018 / 7:23 PM / 24 days ago

Senado não deve votar cessão onerosa nesta semana, diz líder do governo

BRASÍLIA (Reuters) - O Senado Federal não deve votar o projeto da chamada cessão onerosa nesta semana, informou o gabinete do líder do governo na Casa, Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE).

Havia a expectativa de votação da proposta após declarações do presidente do Senado, Eunício Oliveira (MDB-CE), na semana passada, que prometeu incluir o projeto na pauta desta quarta-feira para votação. A promessa de Eunício foi feita após acordo informal com a equipe de transição para que a União reparta com Estados e municípios parte do montante que vier a receber.

A votação só deve ocorrer, no entanto, no dia 27, data acertada entre o líder do governo e a oposição. Segundo o gabinete de Bezerra, o senador pretende cumprir esse acordo.

O Senado já aprovou um requerimento de urgência para a tramitação do projeto de lei que promete abrir caminho para a realização de um mega leilão de áreas para a produção de petróleo do pré-sal, além de viabilizar acordo entre Petrobras e União necessário para o certame.

O projeto prevê autorizar a Petrobras a vender para outras empresas até 70 por cento dos direitos de exploração na área da cessão onerosa. Deve ainda permitir que o governo oferte em leilão os volumes excedentes das áreas da cessão onerosa.

O contrato da cessão onerosa foi assinado em 2010 entre o governo e a Petrobras para permitir que a estatal produza até 5 bilhões de barris de óleo equivalente em uma determinada região do pré-sal.

Por Maria Carolina Marcello

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below