November 26, 2018 / 6:24 PM / 23 days ago

Exportação de soja do Brasil atinge 78,5 mi t no ano, supera em 10 mi total de 2017

SÃO PAULO (Reuters) - As exportações de soja do Brasil no acumulado do ano até a quarta semana de novembro somaram 78,5 milhões de toneladas, aumento de pouco mais de 10 milhões de toneladas na comparação com o volume exportado em todo o ano de 2017, de acordo com dados do governo publicados nesta segunda-feira.

Homem trabalha em montanha de soja estocada em Sorriso, Mato Grosso, Brasil 27/09/2012 REUTERS/Nacho Doce

Os embarques estão fortes neste ano devido à forte demanda da China, o que levou integrantes do mercado a apostarem em uma exportação histórica superior a 80 milhões de toneladas em 2018, conforme publicou a Reuters mais cedo no mês.

Na última quinta-feira, a consultoria Agroconsult estimou os embarques brasileiros em 82,1 milhões de toneladas em 2018, um recorde histórico em meio à disputa comercial entre os Estados Unidos e a China, que tem favorecido o Brasil.

Nesta segunda-feira, dados da alfândega da China revelaram que os chineses quase duplicaram as importações de soja brasileira em outubro, para 6,5 milhões de toneladas, enquanto compraram apenas 66,9 mil toneladas dos norte-americanos no período.

A China normalmente compra a maior parte de sua soja dos Estados Unidos no quarto trimestre, quando os embarques norte-americanos dominam o mercado após a colheita dos EUA e as safras brasileiras ainda estão se desenvolvendo.

Mas em 2018 os importadores chineses estão evitando o produto dos EUA após a tarifa de 25 por cento que Pequim impôs aos grãos norte-americanos em 6 de julho, em resposta às taxas norte-americanas sobre produtos chineses.

O Brasil é o maior exportador global de soja, enquanto os EUA são os maiores produtores.

MILHO

As exportações de milho, por sua vez, estão mais fracas neste ano, confirmam os dados da Secretaria de Comércio Exterior (Secex), publicados nesta segunda-feira.

O Brasil sofreu uma severa quebra de safra neste ano, por conta de problemas climáticos. Além disso, os custos mais altos pela implantação da tabela de frete rodoviário do governo limitaram os embarques.

Até a quarta semana de novembro, as exportações de milho somaram 2,9 milhões de toneladas no acumulado do mês, elevando o total de janeiro até o momento a 18,7 milhões de toneladas.

O volume está abaixo do registrado entre janeiro e outubro de 2017, quando somou 21,7 milhões de toneladas.

A Agroconsult estima as exportações de milho em 2018 em 22 milhões de toneladas, ante 31 milhões de toneladas no ano passado.

Por Roberto Samora

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below