November 28, 2018 / 11:21 AM / 20 days ago

Índices atingem máxima de 10 dias com esperanças de trégua entre os EUA e China

Operadores trabalham em monitoramento de mercados de ações em Tóquio 07/11/2018 REUTERS/Toru Hanai

(Reuters) - As ações de mercados emergentes subiram para a máxima em quase dez dias nesta quarta-feira, com os índices chinesas impulsionando os mercados asiáticos depois que a Casa Branca sinalizou uma possível trégua em sua guerra comercial com Pequim.

O conselheiro econômico da Casa Branca, Larry Kudlow, disse na terça-feira que uma reunião entre o presidente dos EUA, Donald Trump, e seu colega chinês, Xi Jinping, na cúpula do G20 é uma oportunidade para “virar a página” sobre a disputa.

Os comentários impulsionaram o sentimento um dia depois que Trump disse que era “altamente improvável” que ele aceitasse o pedido da China para suspender o aumento das tarifas.

“O que estamos vendo hoje é um desdobramento de posições mais negativas depois do fiasco de ontem, incluindo um sinal positivo dos mercados norte-americanos, de onde partiu grande parte da negatividade”, disse Stephen Innes, diretor da Trading Asia, Oanda.

“Todos os olhos, no entanto, ainda permanecem no encontro entre Trump e Xi, que deverá conduzir os mercados pelo resto da semana”, acrescentou.

O índice acionário chinês CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, avançou 1,3 por cento, enquanto o índice de Xangai teve alta de 1,1 por cento.

As bolsas na África do Sul, na Turquia e na Índia, ganharam entre 0,7 e 1,5 por cento.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below