December 26, 2018 / 10:20 PM / 21 days ago

Ibovespa reduz perda no final, fecha acima dos 85 mil pontos

SÃO PAULO (Reuters) - A bolsa paulista fechou no vermelho nesta quarta-feira, com os investidores para tentar alinhar os preços das ações domésticas ao mercado internacional, à medida que Wall Street esboçava alguma reação após uma sucessão de perdas pesadas.

Operadores trabalham na Bovespa, em São Paulo 09/05/2016 REUTERS/Paulo Whitaker/File photo

O Ibovespa diminuiu perdas no final, fechando em queda de 0,65 por cento, a 85.136,10 pontos, após ter chegado a recuar 2,1 por cento no pior momento. O giro financeiro somou 9,6 bilhões de reais.

Com muitos agentes do mercado afastados por causa das festas de fim de ano, o pregão começou pressionado por blue chips, ajustando-se ao movimento de ADRs negociadas em Wall Street na segunda-feira, quando o mercado brasileiro esteve fechado.

Os três principais índices das bolsas norte-americanas subiam mais de 3 por cento quando a B3 encerrava o pregão.

O Ibovespa reduziu o ritmo de queda, conforme o avanço dos preços internacionais do petróleo e os índices acionários norte-americanos ampliaram ganhos. S&P 500 Dow Jones e Nasdaq avançavam mais de 3 por cento no fechamento da B3.

“Essa semana vai ser muito fraca de volumes e liquidez e a expectativa é que continue assim nas próximas sessões... Aqui a agenda é fraca, então é mais o exterior que vai puxar (a bolsa brasileira) mesmo”, disse à Reuters Rafael Passos, analista na Guide Investimentos.

No âmbito doméstico, as atenções se dividiram entre o fraco noticiário corporativo e dados da dívida pública federal, que cresceu 1,7 por cento em novembro sobre outubro, para 3,827 trilhões de reais, dentro do intervalo estabelecido como meta para 2018, segundo o Tesouro National.

DESTAQUES

- VIA VAREJO ON perdeu 5,7 por cento. Seu dono, o GPA, anunciou na sexta-feira planos de concluir até o fim de 2019 a venda de sua fatia de 43,23 por cento na rede de móveis e eletroeletrônicos. O plano começará na quinta-feira com a venda de 50 milhões de ações da varejista. GPA PN caiu 5 por cento.

- VALE ON perdeu 0,83 por cento, na contramão do minério de ferro na China, que avançou em meio à de melhora na demanda de siderúrgicas antes do Ano Novo Lunar.

- ITAÚ UNIBANCO PN caiu 2,2 por cento e BRADESCO PN recuou 1,3 por cento. Ainda no setor bancário, BANCO DO BRASIL ON subiu 0,66 por cento e SANTANDER teve baixa de 1,6 por cento.

- PETROBRAS PN subiu 3,5 por cento e PETROBRAS ON ganhou 1,86 por cento, revertendo as perdas da manhã, na esteira da forte recuperação do petróleo no exterior.

- LOG COMMERCIAL PROPERTIES avançou 1,7 por cento, após um tombo na estreia na sexta-feira, após a então controladora MRV transferir proporcionalmente aos demais acionistas sua participação de 46,3 por cento na empresa de galpões logísticos, em transação destinada à cisão do negócio. MRV ON cedeu 2,66 por cento, depois de fechar com ganho de 13 por cento na sessão anterior.

Para ver as maiores altas do Ibovespa, clique em Para ver as maiores baixas do Ibovespa, clique em

Por Gabriela Mello

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below