January 24, 2019 / 11:35 AM / 5 months ago

Anglo tem maior produção de cobre em cinco anos no 4º trimestre

REUTERS/Siphiwe

LONDRES (Reuters) - A Anglo American informou que sua produção de cobre atingiu uma máxima em cinco anos e que sua produção geral no último trimestre de 2018 subiu 7 por cento após mudanças operacionais que aumentaram a eficiência.

A alta na produção de cobre —de 23 por cento contra o mesmo trimestre do ano anterior e a maior desde o final de 2013— mais do que compensou uma queda de 13 por cento na produção de minério de ferro na África do Sul, devido a problemas de infraestrutura.

A Anglo American superou seus principais pares no ano passado, impulsionada em parte por suas perspectivas para o cobre, um metal com um papel importante a desempenhar em uma economia mais eletrificada.

O executivo-chefe da empresa, Mark Cutifani, disse que o foco contínuo em “melhorias de eficiência e produtividade” impulsionou a produção.

O aumento total de 7 por cento diminuiu o impacto da interrupção em Minas-Rio, onde as operações foram retomadas em dezembro, após meses de interrupção devido a um vazamento.

A Anglo American agora tem a licença necessária para impulsionar a atividade na mina no Brasil.

O guidance de produção para o Minas-Rio em 2019 é de 18 milhões a 20 milhões de toneladas depois que a mina produziu 200 mil toneladas no último trimestre de 2018.

Por Barbara Lewis

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below