February 14, 2019 / 12:32 PM / 6 months ago

China eleva importação de petróleo e registra compra recorde de gás em janeiro

CINGAPURA (Reuters) - As importações chinesas de petróleo em janeiro subiram 4,8 por cento em relação a igual período do ano anterior, mostraram dados da alfândega nesta quinta-feira, com as refinarias montando seus estoques antes do feriado de Ano Novo Lunar, que ocorreu no início de fevereiro.

As importações de gás natural para o maior importador do mundo subiram para um recorde mensal de 9,81 milhões de toneladas, superando o pico anterior de 9,23 milhões em dezembro, com importadores estatais aumentando as compras em antecipação a um esperado aumento da demanda por aquecimento.

A China, maior importadora de petróleo do mundo, recebeu 42,6 milhões de toneladas de óleo em janeiro, segundo dados divulgados pela Administração Geral da Alfândega Chinesa. Isso equivale a 10,03 milhões de barris por dia (bpd), o terceiro mês consecutivo em que as importações ultrapassaram a marca de 10 milhões de bpd.

As importações de janeiro caíram em relação ao recorde diário de 10,43 milhões de bpd em novembro, já que os processadores independentes reduziram as compras no mês passado devido a menores alocações de cotas para 2019.

Mas as compras das novas refinarias privadas Hengli Petrochemical e Zhejiang Petrochemical para operações de teste mantiveram os níveis de importação elevados.

Por Chen Aizhu

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below