February 22, 2019 / 12:14 PM / a month ago

Petróleo Brent atinge nova máxima de 2019 com esperanças de negociações comerciais

Sonda de petróleo em operação 27/08/2018 REUTERS/Nick Oxford

LONDRES (Reuters) - Os contratos futuros do petróleo avançavam nesta sexta-feira, apoiados pelos contínuos cortes de oferta da Opep e pelas esperanças de que Pequim e Washington possam encerrar sua disputa comercial em breve.

O petróleo Brent subia 0,45 dólar, ou 0,67 por cento, a 67,52 dólares por barril, às 9:10 (horário de Brasília). Mais cedo atingiu 67,68 dólares, máxima de 2019.

O petróleo dos Estados Unidos avançava 0,51 dólar, ou 0,9 por cento, a 57,47 dólares por barril.

Os ganhos dos preços eram atenuados pela produção de petróleo dos Estados Unidos, que atingiu um recorde de 12 milhões de barris por dia (bpd), e por um aumento nas exportações do país.

O esboço do texto de um possível acordo comercial entre Estados Unidos e China começava a ser elaborado durante as negociações entre os dois países, disseram fontes à Reuters na quinta-feira.

“Ontem... o volume estava baixo e os dados dos EUA sobre petróleo e produtos eram mistos, então o mercado não reagiu de verdade”, disse Olivier Jakob, da consultoria Petromatrix.

“Qualquer coisa positiva hoje nas negociações comerciais vai impulsionar o preço do petróleo.”

Os preços também estão recebendo apoio dos cortes de oferta liderados pela Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep).

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below