February 26, 2019 / 3:56 PM / 3 months ago

BNDES foca em infraestrutura, não precisa manter participação em Petrobras, diz presidente

Presidente do BNDES, Joaquim Levy, em cerimônia no Rio de Janeiro 08/01/2018 REUTERS/Sergio Moraes

SÃO PAULO (Reuters) - Uma das prioridades do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) é reorganizar o seu braço de participações, o BNDESPar, e concentrar sua atuação em facilitar investimentos em infraestrutura, disse nesta terça-feira o presidente do banco, Joaquim Levy.

“Nosso foco hoje é facilitar o investimento em infra tanto pelo investidor local quanto pelo estrangeiro...Não precisamos carregar 44 bilhões de reais em ações da Petrobras”, afirmou Levy durante o evento CEO Conference 2019, organizado pelo BTG Pactual, em São Paulo.

Atualmente, o banco tem mais de 100 bilhões de reais alocados em participações em empresas que incluem, além da petrolífera de controle estatal, o grupo de alimento JBS, Embraer e Vale. E a tendência, segundo o presidente do BNDES, é reduzir essa exposição para focar em projetos de infraestrutura. Ele, porém, não afirmou quando esse processo poderia ocorrer.

Entre as áreas que devem concentrar as atenções da instituição, Levy destacou a de saneamento, mas ressaltou que o setor requer uma padronização.

“Temos que trabalhar juntos para aprovar lei do saneamento e criar regras para o Brasil inteiro, de modo que os projetos sejam mais uniformes”, comentou o executivo, citando a contratação de Karla Bertocco Trindade, ex-presidente da Sabesp, pelo BNDES.

O setor de água e saneamento está na expectativa pela conversão em lei neste ano de medida provisória assinada no fim do governo Michel Temer, que pode canalizar investimentos privados de bilhões de reais no país, segundo seus defensores, ou desestruturar por completo os serviços, na visão de críticos.

Levy ainda observou que o banco busca novos desafios e não deve continuar sendo “extremamente protagonista” no segmento de transmissão de energia.

“Transmissão tem pouco risco, então é natural que o restante do mercado queira entrar e haverá espaço”, disse.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below