March 25, 2019 / 12:28 PM / 24 days ago

China vai reduzir intervenção do governo no setor industrial

PEQUIM (Reuters) - A China vai reduzir a intervenção governamental direta em seu setor industrial, afirmou nesta segunda-feira o ministro da Indústria, conforme Pequim busca aliviar preocupações sobre sua política industrial em meio às reclamações dos Estados Unidos na guerra comercial entre os dois países.

A promessa do governo de reduzir sua influência sobre questões operacionais no setor industrial da China segue-se a uma aparente diminuição no impulso de sua indústria de alta tecnologia, que há tempos irrita os EUA.

“Vamos gradualmente reduzir o microgerenciamento e intervenção direta do governo, para permitir que o mercado decida efetivamente a alocação de recursos e sustente o desenvolvimento da indústria manufatureira”, disse Miao Wei, ministro de Indústria e Tecnologia da Informação, no Fórum de Desenvolvimento da China.

Mas a China continuará a encorajar a produção de maior valor, disse ele.

Em seu discurso, Miao não citou o plano “Feito na China 2025”, uma iniciativa com a intenção de ajudar a China a se equiparar a rivais globais em tecnologias sofisticadas como semicondutores, robótica, inteligência aeroespacial e artificial.

A política de apoio estatal à indústria tem provocado alarme no Ocidente, devido aos esforços abertos da China de dar suporte estatal e subsídios.

Reportagem de Brenda Goh e Shu Zhang

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below