April 2, 2019 / 8:50 PM / 2 months ago

Indústria química faz campanha por desburocratização, diz gastar R$1 bi com entraves

Indústrias químicas em Cubatão (SP) 08/06/2017 REUTERS/Paulo Whitaker

SÃO PAULO (Reuters) - A Associação Brasileira da Indústria Química (Abiquim) anunciou nesta terça-feira o lançamento da campanha “Desburocratize a Química”, programado para o dia 3 de abril, com o objetivo de reduzir as dificuldades burocráticas enfrentadas pelo setor no país.

Segundo nota da associação, o setor químico do Brasil deixa de investir mais de 1 bilhão de reais anualmente, uma vez que calcula que este montante é o gasto com entraves burocráticos que prejudicam a competitividade do segmento.

A Abiquim diz levar em conta 23 pontos principais em sua busca pela redução da burocracia, dividindo-os nas áreas logística, judiciária, tributária, de segurança, trabalhista e ambiental.

“Destacamos 23 que poderiam ser facilmente resolvidos, tornando os processos mais eficientes”, disse em comunicado o presidente da associação, Fernando Figueiredo.

“Com isso, poderíamos utilizar recursos que hoje são desperdiçados, maximizando custos, aumentando investimentos estratégicos e, por consequência, aumentando a competitividade de toda a cadeia”, completou.

De acordo com a Abiquim, a proposta terá apoio da chamada Frente Parlamentar da Química no Congresso.

Por Gabriel Araujo

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below