April 26, 2019 / 7:25 PM / in 5 months

Francesa Engie acerta venda de termelétricas a carvão na Europa

REUTERS/Benoit Tessier

PARIS (Reuters) - A elétrica francesa Engie concordou em vender algumas usinas termelétricas a carvão na Holanda e Alemanha, prosseguindo com sua estratégia de descartar ativos não essenciais para focar mais no setor de energia renovável.

A Engie afirmou que está vendendo esses ativos para a empresa de investimentos Riverstone Holdings, e que o acordo reduziria sua dívida líquida consolidada em cerca de 200 milhões de euros (223 milhões de dólares).

Esses ativos representam uma capacidade total instalada de 2.345 megawatts, disse a empresa, acrescentando que após a venda o carvão representará 4 por cento da capacidade global de geração da Engie, uma queda ante os 13 por cento ao final de 2015, quando a companhia anunciou planos para fechar ou descartar gradualmente seus ativos de carvão.

“Esta transação está totalmente alinhada à estratégia do grupo para ser o líder mundial na transição ao carbono zero. Estamos focando investimentos em soluções para corporações e autoridades locais, no desenvolvimento de energia renovável e na necessária adaptação das redes de energia à transição”, disse a presidente-executiva da Engie, Isabelle Kocher.

Reportagem de Sudip Kar-Gupta

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below