May 9, 2019 / 12:05 PM / 5 months ago

Termelétrica a carvão da Engie no Rio Grande do Sul inicia operação em teste

16/05/2018 REUTERS/Charles Platiau/File Photo - RC1307FFC5D0

SÃO PAULO (Reuters) - A termelétrica a carvão Pampa Sul, da elétrica Engie Brasil Eneriga, recebeu autorização para iniciar as operações em fase de testes de sua primeira unidade geradora, com capacidade de 345 megawatts, de acordo com despacho da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) no Diário Oficial da União desta quinta-feira.

O projeto da companhia, controlada pela francesa Engie, terá uma potência instalada total de 690 megawatts, com duas unidades geradoras. O empreendimento está sendo implementado em Candiota, no Rio Grande do Sul.

A unidade brasileira da Engie tem afirmado que pretende vender a térmica Pampa Sul, assim como um outro empreendimento a carvão, o complexo Jorge Lacerda, em meio a um movimento global do grupo francês que visa focar os investimentos em fontes renováveis de energia e gás natural.

Em fevereiro, o presidente da Engie Brasil Energia, Eduardo Sattamini, disse que a empresa pretende retomar a busca por compradores para Pampa Sul após o início das operações do empreendimento, o que poderá agregar maior valor para a companhia no desinvestimento.

No ano passado, a Engie chegou a conversar com a CountorGlobal, que demonstrou interesse nos ativos a carvão, mas as negociações não evoluíram satisfatoriamente, conforme divulgado à época pela companhia.

Por Luciano Costa

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below